Obrigado a todos(a) pelo apoio e visibilidade!

16 de outubro de 2017

I Encontro da Família Pereira e Silva aconteceu em Crato-CE

I Encontro da Família Pereira e Silva.  
       Aconteceu ontem (15/10), no Buffet Lagarta Pintada no bairro Lameiro em Crato-CE, regrado sob um clima de emoção e agradecimento, o I Encontro da Família Pereira e Silva, cujas raízes provém da Serra do Quincuncá em Farias Brito-CE. O evento reuniu em especial os familiares do casal Olegário Pereira da Silva (Vigário), e Maria Rita Pereira, e teve como intuito reunir as pessoas idosas, apresentando a elas as gerações mais novas, para tenham o conhecimento das suas raízes, e da sua própria família.
     O evento foi organizado pela família num grupo de whatsapp, em cerca de 15 dias, tendo dado início para realização do encontro, as netas de Olegário e Rita, Francisca (Nêm), Lúcia e Rejane Pereira, estas em conjunto com a família, decidiram os preparativos para o bom êxito da festa, e quem ficaria incumbido por quais compromissos. 
      A escolha da data (15/10), deu-se  porque nesse dia, era aniversário da sra. Maria Iraci Pereira da Silva, que completou 89 anos, por isso seus filhos(a), e demais parentes não poderiam deixar de celebrar essa data tão especial, é válido lembrar ainda que Dona Iracir pensava até então que seria somente o encontro da família, mas na verdade foi uma surpresa, onde também foi comemorado seu natalício.
      Por volta do meio dia (12:00h), começaram a chegar os familiares, logo no início Adalmiran, padre de Farias Brito, procedeu uma benção à família, e ressaltou a importância dela na construção da sociedade, adiante, Dr. Marcos Moreira agradeceu a todos os presentes, fez um elogio a família e parabenizou a mãe pelo aniversário. Em seguida  foi cantado os parabéns a aniversariante Iracir Pereira.
     O encontro reuniu cerca de 80 pessoas: filhos, netos, bisnetos, tataranetos, e outros parentes do referido casal de agricultores, sendo que 65 deles portavam a foto dos cônjuges em suas camisetas, a festa foi acompanhada pelo tradicional forró pé de serra, onde mais tarde foi servido o almoço. Sob esse clima de emoção, Cildinha Pereira presentou a tia Iracir, com um quadro (tipo galeria) com a fotografia do seu pai Arão, seguida por todos seus tios, e os seus avós Olégário e Rita, e disse que devemos honrar nossos antepassados.
       Além do forró, outros estilos musicais animaram a festa que durou até por volta de 20:00h, ao som do zabumba, triângulo e sanfona, alguns integrantes da família improvisaram e cantaram sucessos nacionais imortalizados na voz de Zeca Baleiro, Nelson Gonçalves, etc. O evento durou até cerca de 20:00h da noite.
     Participaram da festa gente de toda parte, como Chiquim que veio de Cuiabá, Rafael Moreira, de Fortaleza, além de muitas pessoas da Serra do Quincuncá, Crato e Juazeiro do Norte, etc. A expectativa da família, é de que nos anos seguintes seja realizado em número maior, o II encontro da família Pereira e Silva, e assim por diante.
     Particularmente, agradeço a família pela confiança em me chamar para registrar esse evento que reuniu integrantes da família Pereira e Silva, uma das tradicionais proles da Serra do Quincuncá - Farias Brito-CE.
Acompanhe algumas fotografias desse momento histórico para a família:
Vanilde Oliveira, Maria Iraci e Lúcia Pereira. (Foto: Blog de Quincuncá).
Pe. Adalmiram, e os filhos de D. Iraci: Ana Claúdia, Marcos e Francisca.
(Foto Blog de Quincuncá).
Familiares do casal  Olegário Pereira e Maria Rita. (Foto: Blog de Quincuncá).
Pe. Adalmiram, procedeu uma benção a família. (Foto: Blog de Quincuncá).
Maria Iracir comemorou seu natalício de 89 anos.  (Foto Blog de Quincuncá).
Dos 05 filhos vivos de Olegário e Rita, 04 se fizeram presente. Da esq. para a
direita: Iracir, Chiquim, Ivonete, e Naide.  (Foto: Blog de Quincuncá).
Parte da Família Pereira e Silva.(Foto: Blog de Quincuncá).

Quadro -Galeria, com a foto do casal Olegário e Rita, acompanhado dos filhos(a)
Presente de Cildinha Pereira, a tia Iracir.  (Foto: Blog de Quincuncá).
O forró, e vários estilos musicais animaram o Encontro da Família Pereira e Silva
(Foto: Blog de Quincuncá).

Almoço em Família. (Foto: Blog de Quincuncá).

Adicionar legenda
Filhos, netas e bisneta de Olegário e Rita. (Foto: Blog de Quincuncá).
Marcos Moreira, com seus filhos  (Foto: Blog de Quincuncá).
Descendentes do casal Olegário e Rita.  (Foto: Blog de Quincuncá).

Netos de Iracir Pereira, acompanhados da avó.
(Foto: Blog de Quincuncá).

14 de outubro de 2017

Memórias sobre a família de Ladislau & Andrelina

Foto cedida pela neta Isaura Pereira.

    Ladislau Pereira da Silva, era agricultor e proprietário de terras, seu nome é citado nas entrevistas no que diz respeito ao patrimônio para a construção da Barragem Enoch Rodrigues, isto é doou parte de sua terra para que ficasse submergida nas águas da barragem, a referida doação foi "feita de boca", por isso nenhum documento comprova a doação, já que naquela época a palavra tinha um grande valor, e substituía quaisquer outros documentos oficiais. Assim, tentaremos levantar dados e depoimentos a seu respeito, para isso nos valeremos do assento de seu óbito, e dos depoimentos colhidos. A fotografia acima é uma das poucas se não a única que se tem dele até então, e foi cedida por sua neta Isaura Pereira residente no estado de Santa Catarina.

Dados pessoais:
    Segundo consta no livro de registro de óbito, Ladislau nasceu em 27 de julho de 1881, era filho natural de Quincuncá, sendo seu pai Joaquim Bastos da Silva e sua mãe Maria Gonçalves da Silva. Faleceu em 23 de outubro de 1963 aos 83 anos, tendo seu nome homenageado como denominação de uma rua no distrito, em virtude de o mesmo ser um antigo morador naquela rua, e proprietário de terras naquelas imediações, onde localiza-se a E.E.F Cosmo Alves Pereira.
     Ladislau casou-se com Andrelina Maria de Jesus, da qual infelizmente não se tem foto alguma, ela era filha de Joaquim Ferreira Vidal e Joana Maria de Jesus, nascida à 15 de agosto de 1885, e falecida em 22 de março de 1954 aos 68 anos. Do matrimônio com Ladislau Pereira provieram os seguintes filhos: José Pereira Silva, Teófila Pereira, Gertrudes, Raimundo, Bertoldo, Gertrudes Pereira, Nazário, Eulina, Astrogildo e Sinobrelina Pereira, desses filhos, o último a falecer foi a Sra. Eulina (Dona Lina) falecida aos 96 anos, no mês de agosto de 2016 (A mesma era nascida em 08 de setembro de 1920), restam agora muitos netos, bisnetos e tataranetos, descendentes deste tronco familiar.

Depoimento:
      O neto José Pereira da Silva, (Zé da Lina), 74 anos assim recorda quando o avô Ladislau falava da doação do patrimônio da Barragem " É eles que falavam, cansei de ver meu avô sentado na calçada de mãe [D.Lina], e falava que o patrimônio aqui da barragem era 10 (dez) tarefas, tinha sido ele que havia doado, o riacho passava aqui (Zé, aponta o local), daqui pra lá era de São José e daqui pra cá era terra dele, isso tudo era dele [Ladislau] essas terras era tudo do meu avô". (Entrevista concedida ao Blog de Quincuncá aos 23 de dezembro de 2015).
      Isaura Pereira Maia, 69 anos, filha de Nazário, e neta de Ladislau, relembra do avô, e de sua propriedade no Quincuncá. "A lembrança que eu tenho dele... pessoa, pessoa boa assim com todos os netos também né, muito boa, num tenho muito [lembrança] assim é de pequeninho". Ao ser indagada sobre a residência do avô, ela responde: "era naquelas casas mais perto do grupo ali, que inclusive tem a casa de meu pai, que é aquela do lado que tinha a casa de Aristóteles, de meu pai e da família quase toda ali, e a do meu avô era uma casinha mais velha que foi demolida pra fazer aquelas aí né onde ele morava". Sobre as propriedades, Isaura conta: "Sim, também, também que uma parte daquela era dele também né, aquela parte que pertence mais do grupo pra trás até onde Bertolo tinha casa ali também, é, ah tinha muita terra ali, era quase tudo aquilo ali".(Entrevista concedida ao Blog de Quincuncá em 14 de junho de 2017).
_____________________________________________
FONTES DOCUMENTAIS
Cartório Moreira – 1º Ofício – F. Brito-Ce
*Óbito de Ladislau Pereira: (C-04, folha 44); 
*Obito de Andrelina Maria (C-02, folha 41,42);

FONTES ORAIS
*José Pereira da Silva, (Zé da Lina), agricultor aposentado, realizada em  23 de dezembro de 2015;
*Isaura Pereira Maia, realizada em 14 de junho de 2017.

8 de outubro de 2017

Felicitações a Maria Moreira pelos seus 79 anos

Maria Moreira no seu natalício de 79 anos
(Foto: Luana Cristina).
   Parabenizamos hoje (08/10), a sra. Maria Moreira, nascida em 08 de outubro de 1938, pelos seus 79 anos de vida. 
    É filha dos agricultores, João Timóteo dos Santos e Gertrudes Moreira de Souza, nasceu e criou-se na Serra do Quincuncá, juntamente com os irmãos Duca,  Luísa e Durica Moreira.
   É casada com o sr. Raimundo Arraes com quem teve 05 filhos: José, Neide, João, Zinha, e Cícero. Nesse dia sua família celebrou o seu aniversário com alegria e gratidão. Felicitamos a Dona Maria muita saúde e alegrias em sua vida!

3 de outubro de 2017

Serra do Quincuncá, terra de gente valente!

Na foto, o sr. Abdoral Dias, portando o seu facão ao lado do amigo Jesus Militão.  (O facão que seu Abdoral  tem é algo considerado por ele uma peça do seu dia-a-dia).

   Na  música "O Resto a gente ajeita" composta em 1981 por Luiz Gonzaga e Dalton Vogeler, chamam atenção para esse aspecto local, e retratam por meio dessa música a valentia do povo da Serra do Quincuncá, assim diz o trecho: 
"Convidei um pistoleiro
Da Serra do Kim com K
O cabra era zanônio
Ignorante e sarará
Falou: quero a metade 
Pra fazer essa empelêita
o resto a gente ajeita} bis". 

Será quem era esse cabra valente citado na música?  


Ouçam a música completa: (O resto a gente ajeita - 1981).
 



1 de setembro de 2017

Nota de pesar pelo falecimento de Dona Loura Rodrigues

"Loura" com a imagem de São José, de quem
era grande devota. (Foto Blog de Quincuncá).
    Comunicamos com pesar o falecimento da sra. Antonia Rodrigues, apelidada de Loura e pelos mais íntimos chamada por Dindinha ocorrida na madrugada deste dia (01/09) no Hospital Regional do Cariri, onde ela já estava internada devido uma queda sofrida na noite do último domingo. A mesma era irmã das das tão conhecidas Lindalva e Niza Rodrigues, juntas elas dedicaram muitos anos de voluntariado a capela de São José, organizando eventos de carácter religioso tais como a festa de São José por partidos, a coroação de Nossa Senhora , a lapinha do menino Jesus, etc.
    Loura era a única filha do casal Raimundo Rodrigues da Silva e Maria Rodrigues da Conceição que tiveram 07 filhos, nasceu aos 30 de março de 1936, sendo seu avô paterno segundo a tradição o responsável pela construção da primitiva capela de São José na comunidade. Dona Loura viveu maior parte de sua vida em Quincuncá, foi ainda professora particular no Sítio Genipapo em Assaré, de modo geral uma pessoa a quem a comunidade deve muito. Descanse em paz!
    A família convida a todos para seu sepultamento a ser realizado no Cemitério Pe. Cícero de Quincuncá logo mais as 14h da tarde, após a celebração de suas exéquias. Expressamos os nossos sentimentos a toda família!

20 de agosto de 2017

Comunidades serranas acolhem visita da imagem peregrina de N. Sra. Aparecida

Entrada da imagem peregrina na capela com a presença de muitos fiéis (Foto Calique Rodrigues - PASCOM Farias Brito).
       Na última quinta-feira (17/08) os católicos das comunidades serranas acolheram na capela de São José no distrito de Quincuncá, a imagem peregrina de Nossa Senhora Aparecida. A imagem foi trazida em caravana pelos fiéis da sede do município onde a imagem estava. Ao chegar na comunidade por volta das 20:00h ao encontro dos devotos que estavam em frente a E.E.F Cosmo Alves Pereira organizou-se o cortejo processional em direção a capela, sob clima de emoção e fé por parte do povo, que levava nas mãos uma vela iluminando assim o cortejo. Na chegada à capela, dezena de pessoas já aguardavam a chegada da imagem peregrina. Ao som do cântico "Viva a mãe de Deus e nossa" o pároco Adalmiran que trazia a imagem adentrou a capela, na oportunidade as pessoas tocavam sobre esta, e faziam suas preces ou agradecimentos. Um momento histórico para os católicos quanto da visita de uma imagem na localidade, esta que representa a mãe de Jesus, sob o título de Aparecida, neste ano em que completa-se 300 anos que a imagem foi encontrada pelos pescadores no Rio Paraíba do Sul/SP. 

Missa em honra à padroeira do Brasil foi celebrada pelo Pe. Adalmiran (Foto: Calique Rodrigues - PASCOM Farias Brito).

        Após a acolhida, o padre saudou a todos os presentes e pediu uma calorosa salva de palmas a todas as comunidades serranas presentes. No momento da Homilia, ao falar sobre o encontro da imagem pelos pescadores, o padre disse: " mas pra quem tem fé, o cristão que tem fé, não existe coincidência é a providência de Deus fazendo acontecer um sinal para mostrar as pessoas que quando Deus quer ele aparece na nossa vida, quando a gente quer os sinais de Deus aparecem na nossa vida, porque ele está manifestando sinais, ele está providenciando sempre, quando a gente permite os sinais aparecem", mais adiante o padre ressaltou o quanto desejou de que a imagem passasse pelo Quincuncá, segundo ele "pra botar 'fogo' numa comunidade chamada setor serra, que eu vejo um potencial de fé muito grande.. Povo da serra vocês tem um diamante na mão que se chama a espiritualidade pastoral e a fé". 
Entrega da imagem peregrina a ministra da Eucarístia Neuta e seu esposo (Foto: Blog de Quincuncá).
          Já, ao final da Missa, no momento da bênção o padre lembrou que não sairia enquanto todos aqueles que quisessem tocar à imagem ou mesmo fazer um registro fotográfico. Assim concluída a celebração e as homenagens a N. Sra. Aparecida por volta das 22:10h a imagem foi entregue a comunidade do Sítio Fazenda a qual tem ela como padroeira. Durante todo o dia seguinte (18/08) houve terço e louvores a senhora Aparecida, e a tardinha do mesmo dia por volta das 17:00h partiu em cavalgada/carreata seguida pelo imagem, o pároco e grande número de fiéis para entrega ao distrito de Amaro, Assaré, lá foi celebrada Missa pelo Pe. Ronaldo e concelebrada por Pe. Adalmiran e o Diácono Auricélio, assim dando continuidade a peregrinação pelas paróquias ou comunidades que pertencem a Diocese de Crato-CE, vale recordar que essa peregrinação faz parte das comemorações do tricentenário da padroeira do Brasil que desde 2014 está em visita a todo o Brasil.
Assista o vídeo completo no Youtube da Peregrinação em Quincuncá:

Acompanhe alguns registros feitos pelos Blog de Quincuncá:
A capela ficou pequena para comportar o grande número de devotos. (Foto Blog de Quincuncá).
A imagem peregrina foi posta próxima do altar em meio a Assembléia.
(Foto: Blog de Quincuncá).

Crianças também estiverem presente na celebração
(Foto Blog de Quincuncá).
Exterior da capela de N. Sra. Aparecida no Sítio Fazenda- Farias Brito-CE.
Durante todo o dia 18 houve terços e louvores a padroeira e depois
 a imagem foi conduzida ao Amaro. (Foto Blog de Quincuncá).

Assista os melhores registros no Youtube da peregrinação
 e entrega da imagem ao distrito de Amaro-Assaré.


Carreata contou com presença de muitos veículos e  fiéis em direção ao Amaro
 (Foto Blog de Quincuncá).

(Foto Blog de Quincuncá).

(Foto Blog de Quincuncá).

Imagem peregrina quase na chegada ao Amaro, Assaré (Foto Blog de Quincuncá).
Chegada da cavalgada/carreata no Amaro, e entrega a paróquia de Assaré.
Na foto da esquerda para a direita Pe. Ronaldo; Pe. Adalmiran e Diácono Auricélio.
(Foto: Blog de Quincuncá).

11 de agosto de 2017

Quincuncá receberá no 17 de agosto visita da imagem de Nossa Sra. Aparecida

Programação para a chegada da imagem no distrito de Quincuncá.
(Foto: reprodução/Paróquia N. Sra. da Conceição - Farias Brito-CE).

     No próximo dia 17 de agosto de 2017 (Quinta feira), a capela de São José no distrito de Quincuncá, no município de Farias Brito-CE, receberá a visita da réplica da imagem de Nossa Senhora Aparecida que está em peregrinação pela Diocese de Crato, e pelas comunidades católicas de todo o Brasil. Essa peregrinação está dentro das comemorações dos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora no rio Paraíba do Sul - São Paulo. No mês de outubro, católicos de todo o país celebrarão o tricentenário da padroeira.
Segue abaixo a Programação completa da peregrinação da imagem na paróquia Nossa. Sra. da Conceição - Farias Brito-CE. (Informação disponibilizada pela fan page da Paróquia).

7 de agosto de 2017

Memórias de Dona Isabel

Dona Isabel.  (Foto Blog de Quincuncá).
   "As aparências enganam", de fato isto é verdade, com esta frase queremos contar um pouco sobre ISABEL MARIA DO ESPÍRITO SANTO, ou simplesmente Dona Isabel, hoje com sua fragilidade devido a idade, e aos problemas de saúde, ela narra memórias de muito sacrifício, de labuta diária no roçado desde a juventude, trabalho este intensificado logo depois do matrimonio com seu Antonio apelidado de Teatonho, já falecido e a vinda dos 12 filhos do casal, dos quais 08 estão vivos. 
    Dona Isabel nem sempre residiu no Quincuncá, como não tinha casa própria, frequentemente se mudava, e por isso residiu em diversos lugares junto com a família, dentre eles São Lourenço, Sítio Jacú, etc. Seu maior sonho era ter casa própria, anseio que com muito sacrifício foi finalmente realizado neste distrito, onde ela ainda hoje vive. Em todos os lugares que morou, trabalhou arduamente não só no roça ao lado do esposo, mas lavava trouxas de roupa, sacudia arroz, despalhava e pisava milho ou outros legumes. 
    Quando ela chegou à décadas atrás para fixar morada não foi diferente, várias pessoas a procuraram para que ela fizesse um desses serviços, e com o adquirido Dona Isabel criou os filhos e conseguiu a tão sonhada casa ao lado do esposo. Hoje não é seu aniversário, mais quero homenagear essa mulher guerreira, mãe, e avó, que muito se alegra com cada visita que recebe em sua humilde casa, e em nome de todos os filhos desta terra, desejamos-a muita saúde! 🙌👏👏

21 de julho de 2017

3ª Romaria das comunidades celebra os 83 anos de falecimento do Pe. Cícero na Serra do Quincuncá

Romeiros percorreram cerca de 4km até o Pontal do Pe. Cícero na Serra do Quincuncá

     No último dia 20 de julho de 2017, data do aniversário de 83 anos do falecimento de Padre Romão Batista, aconteceu a 3ª Romaria das Comunidades ao Pontal do Pe. Cícero no alto da Serra do Quincuncá no município de Farias Brito-CE. O evento contou com a participação da comunidade católica fariasbritense com variada faixa etária, desde crianças até mesmo idosos enfrentaram o percurso de cerca de 04km da matriz de Farias Brito, até o Pontal do Pe. Cícero no alto da serra, além da participação de muitas caravanas de outras cidades como Crato, Juazeiro do Norte, Barbalha, Assaré, Cariús, Jucás, etc.
As 15h houve a concentração dos fiéis na matriz  e logo depois o terço do romeiro.

      As 15h aconteceu a concentração dos fiéis na Igreja Matriz centro de Nossa Senhora da Conceição em Farias Brito, logo em seguida rezado o terço do romeiro pelo pároco local, Adalmiran Vasconcelos, em cada dezena o vigário abriu espaço para os que quisessem fazer suas intenções. A romaria em sua terceira edição teve como tema: "No ano Mariano, os romeiros testemunham as virtudes cristãs na comunidade". Ao término do terço, teve início a organização dos cinco bloco os quais estavam intitulados: os 300 anos da aparição de Nossa Senhora Aparecida; os 100 anos das aparições em Fátima, Portugal; as devoções marianas em Juazeiro do Norte (N. Sra. das Candeias e das Dores); a aparição em Lourdes - França e o dogma da Imaculada Conceição, e a devoção ao coração de Jesus e Maria nas renovações difundidas pelo Pe. Cícero.
A Chegada ao Pontal deu-se por volta das 17:30h 
       Ao som dos cânticos e das orações, os romeiros chegaram ao Pontal do Pe. Cícero por volta das 17:30h, onde o cantor e compositor Maurício Jorge cantava músicas, anterior a este momento, um grupo de jovens fez uma apresentação de Capoeira, projeto este desenvolvido sob a coordenação da Igreja, com a participação de jovens que moram ao entorno do Pontal.
A Romaria  contou com a participação de grande números de devotos.

   No alto da serra, uma grande multidão já aguardava a chegada da romaria. Posteriormente começaram as apresentações de cada bloco. Ao longo deste percurso de cerca de 04km, assim como na Romaria passada, duas tendas estavam montadas para a distribuição gratuita d' água, havendo ainda banheiros químicos, e transporte para os fiéis que não puderam ir a pé, a romaria contou com o apoio do Demutran, da Polícia Militar, SAMU, e prefeitura municipal. Segundo a estimativa do Departamento de trânsito de Farias Brito cerca de 5.000 mil pessoas participaram desta terceira edição da romaria, porém segundo os fiéis que participaram da romaria passada, este ano o número de devotos foi maior.
 A Missa foi celebrada pelo Bispo Gilberto e concelebrada por Pe. Adalmiran.
     A Missa teve início por volta das 19h, e foi celebrada por Dom Giberto Pastana, bispo da Diocese do Crato e concelebrada pelo Pe. Adalmiran Vasconcelos, ambos vieram a pé em meio aos fiéis devotos. No momento da Homília, ao comentar a passagem do evangelho (Mt, 11 28-30) o bispo ressaltou "Queridos irmãos e irmãs, a escola de Jesus é a escola da vida, aprender a verdadeira vida, vida da honestidade, vida da franqueza, vida da partilha e da solidariedade, essa vida que agrada o senhor, e essa é a vida que o Senhor quer nos ensinar, essa vida não tem fim, essa vida é eterna". Ao fim da Celebração Eucarística Padre Adalmiran agradeceu a todos os envolvidos para o êxito nesta 3ª Romaria das Comunidades.


Texto e fotos - Blog de Quincuncá. 20 de julho de 2017.  É permitida sua reprodução total ou parcial, desde que citem o autor. 
(A informação a respeito da estimativa dos participantes da Romaria foi extraído da publicação no site da Diocese do Crato, igualmente, os nomes dos blocos que foi retirado do Site Miséria).

14 de julho de 2017

Estrada até o Pontal do Pe. Cicero na Serra do Quincuncá ganha manta asfáltica

Estrada que liga o município de Farias Brito até o Pontal do Pe. Cícero na Serra do Quincuncá ganhou manta asfástica.
(Foto: Blog de Quincuncá)

    No último dia 01 de julho de 2017 (sábado), deu-se início o trabalho de pavimentação asfástica da estrada vicinal entre a sede do município de Farias Brito-CE, até o Pontal do Padre Cícero na Serra do Quincuncá, pela empresa CORAL construtora, em parceria do governo municipal com o governo do estado do Ceará, facilitando assim o acesso da população que transita por aquela estrada, bem como o transporte dos produtos agrícolas e pecuários  para a comercialização na sede ou em cidades vizinhas como Crato.  
    A obra ficou concluída em poucos dias, e já poderá ser usufruída pelos fiéis devotos do Pe. Cícero, que no próximo dia 20 deste mês subirão a pé junto com o pároco Adalmiram e o Bispo Dom Gilberto numa peregrinação de cerca de 4km da igreja matriz de Farias Brito até o Pontal onde será feita apresentações pelos blocos da romaria, e logo em seguida a Missa, a expectativa é que 5 mil fiéis participem deste evento. 
    O anseio da população serrana, é que este mesmo processo em manta asfástica seja expandido até o distrito sede da serra, o Quincuncá, desta forma facilitando o comércio de produtos, e o acesso da população.

7 de julho de 2017

Vila Barreiro do Jorge celebra a padroeira Nossa Sra. do Carmo


      Teve início hoje (07/07), os festejos alusivos a Nossa Senhora do Carmo, padroeira do Barreiro do Jorge, vila esta localizada na Serra do Quincuncá-Farias Brito-CE. A festa neste ano de 2017 tem por tema "A palavra de Deus como alimento na comunidade",  e como de costume será festejada entre os dias 07 e 16 de julho. A programação contará com novenas, pregação da palavra ou Missas, em seguida quermesse ao lado da capela.

Caminhada para a Riberinha, casa de Natonha e Neuzinho - Foto tirada hoje cedo (07/07/2017) - Por Iam Barreiro do Jorge.

Transcrevemos abaixo a programação completa da Festa:

*07/07/2017 - (ABERTURA) - NOITE DOS MOTORISTAS
05h - Ofício e caminhada para o Sítio Ribeirinha casa de Natonha e Neuzinho.
12h - Ofício de Nossa Senhora
18:30h - Caminhada saindo da casa de Natonha com a imagem e a Bandeira de N. Sra. do Carmo, para o Hasteamento da Bandeira
19h - Novena e Missa com Pe. Adalmiram
20h - Leilão da Alegria
Comunidade Convidada: Quincuncá.

08/07 - NOITE DA SAÚDE
05h - Ofício e caminhada para a casa de Zé de Oséias e Jovenila.
12h - Ofício
19h - Novena e pregação da palavra /Celebrante: Fransquinha
20h - Leilão da Alegria e quermesse
Comunidades convidadas: Cajueiro e Oitis.

09/07 - NOITE DA EDUCAÇÃO
05h - Ofício e caminhada para a residência de Vanô e família
12h - Ofício
19h- Novena e pregação da palavra / Celebrante: Jader
20h - Leilão da Alegria
Comunidades convidadas: Freixeira; Palmeira e Boa Vista

10/07 - NOITE DOS IDOSOS
05h- Ofício e caminhada para a residência de Santinha
12h - Ofício
19h - Novena e pregação da palavra / Celebrante: Marques
20h - Leilão da Alegria
Comunidades convidadas: Umari e Pontal do Pe. Cícero

11/07 - NOITE DOS JOVENS
05h - Ofício e caminhada para a residência de Sinete e Vera
12h - Ofício 
19h - Novena e pregação da palavra / Celebrante: Rosendo
20h - Leilão da Alegria 
Comunidades convidadas: Tabuleiro I e II e Umburana.

12/07 - NOITE DAS CRIANÇAS
05h - Ofício e caminhada para a Vila Lagoa Seca
12h - Ofício 
19h - Novena e pregação da palavra / Celebrante Vandízia e Mateus
20h - Leilão da Alegria
Comunidades Convidadas: Cariutaba; São João e Timbaúba I e II.

13/07 - NOITE DOS CASAIS ECC
05h - Ofício e caminhada para a casa da família de Pedro Lino
12h - Ofício
19h - Novena e pregação da palavra / Celebrante: Grupo de jovens de Nova Betânia
20h - Leilão da Alegria
Comunidades convidadas: Nova Betânia; Sítio Mota; Cachoeira e Lamaju.

14/07 - NOITE DA IAM
05h- Ofício e caminhada para o Sítio Timbaúba, casa de Euclides
12h - Ofício
19h - Novena e pregação da palavra / Celebrante: Sandro
20h - Leilão da Alegria
Comunidades convidadas: Fazenda; Belo Horizonte e Monte Pio.

15/07 - NOITE DAS COMUNIDADES
05h - Ofício e caminhada no Barreiro do Jorge
12h - Ofício
19h - Novena e Missa com Pe. Adalmiram
20h - Leilão da Alegria
Comunidades convidadas: Farias Brito; Lambedouro e todas as comunidades.

16/07 - DIA DE N. SRA. DO CARMO - (ENCERRAMENTO)
16h - Missa Solene da Padroeira com Pe. Adalmiram
17h- Procissão no Barreiro do Jorge
18h - Leilão da Alegria.